quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Aniversário - 35 anos!

video

Nasceu cidadão brasileiro, alcançou sua cidadania italiana, e hoje posso dizer que se tornou cidadão do mundo. Nesses dois últimos anos morou em alguns lugares fora do Brasil onde fez muitos amigos. Outros fez por aqui mesmo... e que se somaram aos muitos bons amigos que já tinha.
Alguns conheceu em momentos de alegria, outros em momentos menos alegres, diríamos assim...
Há alguns que faltou a foto para colocar aqui, mas todos se tornaram presentes que recebeu ao longo desses dois anos.
Obrigado Senhor, realmente és fiel quando diz que seremos prósperos em tudo... você tem sim o maior bem que uma pessoa pode ter. Amigos.

Parabéns meu amor, sua esposa Silvinha!

terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

Escócia - Ai vamos nós!

 
Station King's Cross St. Pancras

Partimos de trem de Londres, bem cedinho. Mas antes de qualquer coisa, porque Escócia?
Bom, por votação (de duas pessoas) entre dois destinos (Escócia ou Irlanda), venceu a Escócia.
Decidimos dois meses antes, assim compramos as passagens com um precinho bem interessante. Aliás, essa dica vale para todas as aventuras seja por trem ou avião (low coast) aqui pela Europa em geral. Mas vamos voltar... pra Escócia.
A viajem de ida foi de trem, e foi incrivel. A paisagem na maior parte era de propriedades rurais e de criação de ovelhas. Mas ao se aproximar já da Escócia entra também em cena o oceano, e é deslumbrante.
 
Chegamos ainda pela manhã e primeira providência: encontrar o centro de informações ao turista e pegar um mapa turístico da cidade. Lógico, sem mapa é como estar cego...
Segunda providência: encontrar o Hotel. Outra dica: se não for possível achar hotel pelo centro da cidade, procure ao menos um local que mantenha você não muito distante das estações de trem.
Terceiro passo: bater perna kkk
Existem muitas coisas legais para conhecer em Edinburgh, capital da Escócia. Mas saímos de casa com um roterinho básico: castelo de Edimburgo, catedral St Gilles, rua do comércio Princes Street Gardens...

...além é claro de dar uma passadinha na casa do uísque escocês, parar para ver os meninos tocando a gaita foles típica em frente a universidade de artes, olhar de pertinho os homens usando kilts coloridos (famosas saias) pelas ruas, admirar suas pontes de pedra que até parece saíram de um filme, respirar ar puro num banco de parque, e que estão por toda parte.








 


Mas há um lugar em especial, que gostamos demais de conhecer que foi o porto da cidade. Foi num domingo de manhã, distante do burburinho do centro de compras. Acordamos cedinho e fomos caminhando até lá, com vontade mesmo de aventurar. E valeu mesmo á pena... um belíssimo lugar para estar!
 
E ai então, estávamos preparados para comprar kkk. Bem, na verdade eu estava, Silvinha. Porque o Juliano, como todo bom homem, odeia lojas e mais lojas. Mas até que ele se comportou, só perdeu a paciência no finalzinho. Obrigado amorzinho. Entramos em lojas de roupas, de souvenier, shopping, havia uma loja apenas de coisas típicas da Escócia, desde roupas até pequenas lembrancinhas lindas. É bem grande, dois andares e proibido tirar fotos no interior dela.
E entre uma comprinha e outra fomos conhecendo mais um pouco desta cidade deliciosa. Bem legal.




Bom pessoal, tem muito mais coisa, muito mais fotos ainda aqui desta cidade encantadora, que é a capital deste país charmoso chamado Escócia. Mas acho que deu pra dividir um pouquinho com vocês esse nosso passeio que de longe, foi um dos mais maravilhosos aqui pelo Reino Unido.
Beijos e até a próxima. Me despeço com uma das fotos que mais gostei deste lugar.